terça-feira, 6 de abril de 2010

FILHO

Poema e foto feitos em 05/03/2010, um dia antes da vinda do meu bebê!!!



Ela olha a janela
e eu olho ela.
Não sei o que ela espera

Mas eu sim;
Tá embrulhado para presente
Papel feito de mim.

Tempo diferente
Passado, futuro
Tudo na mente
Noite sem fim.

(E a barriga que nos separa...)

Tão pouco
Tão perto
Tão longe
Tão dentro
Tão elo – ele e Deus -
Tão Téo
Tão dádiva
Tão da vida
E tão meu.

11 comentários:

rm disse...

Foto lindíssima, Ju. Comovente...

E o melhor poema seu que já li.

João Moreira disse...

Olá querida,
Belo ver a ternura de uma mãe feliz, estas linda a condizer que o que sentes nesse poema.
Fica bem
Beijos doces

Flavio Ferrari disse...

Hum ... um presente para sempre.

Fernando Santos (Chana) disse...

Olá Juliana, bela fotografia...belo poema...Espectacular....
Votos de tudo bom para você e seu filhote....
Beijos

Sylvio de Alencar. disse...

Mesmo sendo homem, dá para perceber no ar a ligação que rola... Bem, sou pai, isso me dá a idéia da dimensão dessa ligação.

Bjs.

Lindsey disse...

Linda Ju,
muitas saudades.

Quero conhecer nosso novo habitante!

Venha me visitar, escrevi um texto pra ti:

http://nervuras.blogspot.com

bjo

. fina flor . disse...

Juuuuuuuu, fazia tempo que não passava aqui.

que grávida mais linda você ficou ;-)

adorei a 'novidade'

beijos, flor e saúde pro baby e muitas alegrias para ti

MM.

Fernando Martinez disse...

muito bonito o poema




http://fernandomartinezn.blogspot.com/

Oliver Pickwick disse...

Felicidade em versão fotográfica. Vida longa ao Téo e à Ju.
Um beijo!

lu trevejo disse...

lindo lindo lindo
sóq uem é mae sabe o quanto.

lu trevejo disse...

lindo lindo lindo
sóq uem é mae sabe o quanto.